quarta-feira, 26 de julho de 2017

GBN News - Um ano do acidente que vitimou o Capitão de Corveta Igor Bastos

Hoje se completa um ano do acidente envolvendo duas aeronaves AF-1 (A-4KU) Skyhawk da Marinha do Brasil, que resultou na morte do Capitão de Corveta Igor Bastos, após sua aeronave cair no mar em consequência da colisão, ambos não foram localizados desde então.

O GBN News acompanhou de perto toda operação que tentou desde o primeiro momento localizar e resgatar o aviador naval, porém, todas as tentativas não tiveram sucesso. Diversos meios foram empregados ao longo de 88 dias no esforço de se reaver o corpo do militar que provavelmente ficou preso ao cockpit da aeronave.

As únicas partes localizadas da aeronave foram dois pneus do conjunto de trem de pouso principal, localizados em áreas distantes do local em que a aeronave caiu, tendo sido um encontrado na praia de Monte Alto, distrito de Arraial do Cabo e o outro na Praia do Peró em Cabo Frio.

Na manhã desta quarta feira (26) a Marinha do Brasil divulgou nota oficial, na qual altera o status do piloto de "desaparecido" para "morto em serviço".

Ao longo de um ano, as causas do acidente ainda não foram identificadas pelo inquérito aberto para apurar o acidente. 

Segundo nosso editor, Angelo Nicolaci, a aeronave pode ter se deslocado da zona de queda devido a um hipotético "bolsão de ar" na fuselagem e a pressão dos pneus, o que pode ter feito com que a aeronave não tenha tocado a areia e com isso se deslocado por conta da maré, teoria que pode ser considerada pelas áreas onde foram localizados os únicos vestígios da aeronave.

Segundo essa teoria, os destroços podem te sido levados para uma área distante da zona de buscas, o que pode explicar a falta de sucesso nas buscas, mesmo com emprego de diversos equipamentos de ponta, como foi o caso do uso do navio "Fulgro Aquárius", cedido pela Petrobras para apoiar as operações de busca.

segundo outra teoria, apresentada por Alexandre Galante, especialista e editor da Forças de Defesa, a aeronave pode ter se "desintegrado" com o impacto no mar, o que pode ter espalhado diversos pedaços no leito oceânico dificultando sua localização.

Nós do GBN News queremos render uma justa homenagem ao Capitão de Corveta Igor Simões Bastos, e prestar mais uma vez solidariedade aos amigos e familiares, onde queremos aproveitar para agradecer a todos os homens e mulheres que arriscam suas vidas diariamente em prol de nossa segurança e não recebem o merecido reconhecimento de nossa sociedade. Estamos gratos a todos vocês pelo grande sacrifício que fazem por nossas famílias, que Deus receba em seus ternos braços todos que partiram, e que abençoe e guarde todos que aqui permanecem diariamente cumprindo com sua missão.


"Saudosas memórias sempre sobrevivem ao mais trágico evento, a perda de um ente ou amigo, jamais pode ser esquecida, pois a saudade nos toma o peito e nos trás as boas memórias de momentos vividos, porém, honramos nossos mortos não apenas com a dor de nossas lágrimas, mas com as pegadas que ficam ao longo de nossa caminhada, honramos através de cada conquista que sucede a perda, pois um dia a gente vai se encontrar, e quando isso acontecer, que tenhamos em mãos vitórias para partilhar..." 
                                                                              " Angelo Nicolaci"


GBN News - A informação começa aqui




0 comentários:

Postar um comentário