terça-feira, 7 de junho de 2016

Marinha do Brasil divulga informações sobre o PROSUB

Segundo foi veiculado em matéria publicada pela Revista Portos e Navios, com informações fornecidas pelo Centro de Comunicação Social da Marinha, divulga que a Força Naval espera investir um total de 200 milhões de Euros em seus programas de submarinos. 

Deste valor,cerca de 100 milhões de Euros serão investidos no conteúdo nacional dos quatro primeiros submarinos do projeto SBR, projeto francês da classe Scórpene, que estão sendo construídos no âmbito do Programa de Desenvolvimento de Submarinos (PROSUB).

O SBR-1 "Riachuelo" tem lançamento previsto para julho de 2018 e comissionamento em julho de 2020. Seguindo o cronograma o lançamento do SBR-2 "Humaita" deve ocorrer em setembro de 2020 e comissionamento em dezembro de 2021. O SBR-3 "Tonelero" será lançado em setembro de 2021 e comissionado em dezembro de 2022. E o SBR-4 "Angostura" previsto para ser lançado em dezembro de 2022 e comissionado em dezembro de 2023. 

A matéria ainda traz a redefinição dos prazos, que implica em um atraso médio de cinco anos, em relação ao cronograma inicial apresentado pela Marinha do Brasil.

Os 100 milhões de Euros restantes serão investidos no conteúdo nacional a ser embarcado no primeiro submarino de propulsão nuclear do Brasil, o SNBR "Álvaro Alberto", que ainda esta em fase de projeto e assinatura de contratos. Segundo o cronograma atual da Marinha o início da fase de detalhamento do projeto deverá ocorrer no segundo semestre de 2018. O inicio da construção do SNBR ainda não possui data prevista.

O PROSUB é um dos mais importantes programas estratégicos de defesa do Brasil, tendo grande importância na manutenção das capacidades de defesa de nossa Marinha, que contará com meios modernos e em futuro próximo dominará a operação de submarinos nucleares, ponto de grande importância levando em consideração o desafio que é patrulhar e defender nossa extensa zona marítima.


GBN com informações da Revista Portos e Navios

0 comentários:

Postar um comentário