quinta-feira, 2 de junho de 2016

Jato da Força Aérea dos EUA cai após sobrevoar cerimônia com Obama


Um caça F-16 "Thunderbird" da Força Aérea dos EUA caiu no Colorado pouco depois de sobrevoar uma cerimônia de formatura de cadetes da Academia da Força Aérea, na qual o presidente Barack Obama havia discursado.

O porta-voz da Força Aérea, tenente coronel Michal Kloeffler-Howard, disse que o piloto conseguiu ejetar e não se feriu. Também não há feridos entre as pessoas que estavam em solo.

Obama ainda estava no estádio, tirando fotos e cumprimentando formandos em uma área reservada durante o show aéreo, que durou cerca de meia hora, ao sul de Colorado Springs.


A notícia do acidente surgiu quando a comitiva de Obama estava retornando à Base Aérea Peterson para seu voo de volta a Washington.
O presidente se encontrou com o piloto e “agradeceu a ele por seus serviços pelo país e expressou alívio por ele não ter se ferido gravemente”, segundo o porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest.

A Força Aérea identificou o piloto como major Alex Turner, de Chelmsford, Massachussets. Ele tem mais de 270 horas de combate na Líbia e no Iraque.

Acidente

A queda aconteceu a pouco mais de 20 quilômetros dessa base, onde o Air Force One, avião da presidência, estava aguardando para decolar.

Os Thunderbirds haviam acabado de concluir sua tradicional apresentação na formatura da Academia da Força Aérea, sobrevoando o local no momento em que os oficiais formandos jogavam seus chapéus para o alto.

Os jatos deram vários rasantes sobre o estádio de futebol da academia, onde a cerimônia foi realizada, assumindo diversas formações e voando em loop.

Não havia sinais de problemas em nenhum dos jatos durante a apresentação.

Fonte: G1 Notícias

0 comentários:

Postar um comentário