segunda-feira, 11 de setembro de 2017

16 anos do 11 de setembro - O dia que mudou mundo

Dezesseis anos após o ataque terrorista que mudou os rumos da história mundial com a queda das torres gêmeas do World Trade Center em Nova Iorque, a tragédia do 11 de setembro ainda reverbera na memória e no dia a dia não só dos norte americanos, mas do ocidente como um todo. 

Na manhã daquele 11 de setembro de 2001, quatro aeronaves foram tomadas por terroristas que tinham como objetivo lançar o maior e mais letal ataque da história em território norte americano. 

Duas aeronaves foram propositalmente lançadas contra as torres do WTC, matando todos passageiros e comprometendo gravemente a estrutura das torres, as quais após horas queimando, sucumbiram matando milhares de inocentes, no que foi considerado um ato de guerra contra os EUA e levaram a fatídica e pouco promissora "Guerra ao Terror". Ainda naquele fatídico dia uma aeronave atingiu uma ala do Pentágono, em Washington, e outro caiu na Pensilvânia, diante da heroica tentativa dos passageiros de tentar retomar o controle da aeronave.

Mais de três mil pessoas de diversas nacionalidades morreram naquele ataque. A organização terrorista Al-Qaeda, do saudita Osama Bin Laden, reivindicou o ataque e então teve inicio a "Guerra ao Terror" e uma intensa caçada ao terrorista mais conhecido de todos os tempos, Osama Bin Laden.

As cenas mostradas pelas redes de televisão era surreais, após a primeira colisão que ocorreu às 8h46 daquela manhã, quando um Boeing 767 da America Airlines, atingiu cerca de quatro andares da primeira torre, pessoas se jogavam do prédio em chamas rumo a morte certa, até então não tinham um real panorama do que acontecia, até que um segundo Boeing, desta vez um 757 da mesma companhia atingiu a outra torre, e começaram a chegar informações sobre outros voos em poder de terroristas, cenas que nunca foram imaginadas nem por Hollywood, o espaço aéreo americano foi fechado e todas aeronaves forçadas a aterrissar. Poucas horas após serem atingidas, as torres do WTC sucumbiam, levantando muita poeira e levando com ela milhares de vidas.

As consequências dos ataques reverberam até os dias de hoje, tendo sido responsável pela invasão do Afeganistão, posteriormente levando a invasão do Iraque e assassinato de seu governante, Saddam Hussein, sob uma fraudulenta acusação de possuir armas de destruição em massa e apoiar o grupo terrorista.

O GBN News aqui estende uma homenagem as inocentes vítimas dos ataques de 11 de setembro, as quais continuam a morrer até os dias de hoje em diversos lugares ao redor do mundo, vitimas de uma guerra sem direção, sem real resultado e que só tem alimentado o ódio e servido de propaganda para grupos extremistas atraírem mais combatentes, uma verdadeira bola de neve que só aumenta com o passar dos anos, sem uma solução real no horizonte, o qual agora leva o medo e insegurança aos aliados dos EUA na Europa, fragilizada e diante de uma série de ações terroristas que minam a confiança e segurança no ocidente. Esperamos que possamos aprender com os erros do passado, e que a tolerância e respeito as diferenças venham a iluminar as mentes dos líderes ao redor do mundo, que Deus faça justiça e puna os responsáveis por tantas barbáries.


GBN News - A informação começa aqui

1 comentários:

Muita mídia a se falar sobre o ocorrido nas torres gemeas, e realmente é lamentável, mas e os outros milhões de pessoas que morrem em lugares onde a violência é quase cultural? cadê a mídia falando da quantidade de mortos nos países pobres ou subdesenvolvidos?

Postar um comentário