quinta-feira, 12 de maio de 2016

Marinha indiana aposenta Sea Harriers e introduz MiG-29



Após 33 anos de serviço na Marinha indiana a frota de 11 Sea Harriers que operava a partir do seu porta-aviões INS Viraat,foi formalmente aposentada em uma cerimônia nesta quarta (11) .

A marinha indiana anunciou que os 11 Sea Harriers serão substituídos por caças de origem russa Mig-29K e Mig-29 KUB. A última vez que o Sea Harriers operou embarcado foi em fevereiro abordo do INS Viraat (ex-HMS Hermes).

A Marinha indiana comprou 30 fez Sea Harriers junto a Grã-Bretanha em 1983, mas apenas 11 permaneceram em operação até agora. A Marinha estava considerando atualizar seus Sea Harriers, mas abandonou o plano.

Os pilotos que voavam o Sea Harrier estão sendo treinados para operar o caça russo MiG 29K. A Índia tinha planejado substituir os Sea Harriers com a versão naval do TEJAS, mas o programa encontra-se atrasado após 15 anos de desenvolvimento, disse um representante da marinha.

A estatal Hindustan Aeronautics Ltd. realizou uma atualização limitada nos Sea Harriers em 2009, mas a aquisição de peças de reposição tornou-se um problema, porque a BAE Systems tem deixado de fabricar a aeronave. A atualização limitada incluiu a montagem de radares de controle israelenses Elta-made multimode de controle de disparo e mísseis ar-ar Derby BVR .

Em 2006, a Marinha planejava comprar Sea Harriers da Marinha Real britânica que estavam sendo retirados de serviço, mas o Ministério da Defesa mais tarde abandonou o programa.

Os Sea Harriers aposentados já foram desativados da Marinha e serão distribuídos como peças de museu, disse um oficial da marinha.

Mesmo o Viraat, que operava os Sea Harriers, deverá ser retirado de operação no final do ano. O Navio Aeródromo,  originalmente HMS Hermes da Royal Navy, foi comprado da Marinha Real em 1986. Desde então passou por uma série de refits realizados a bordo afim de prolongar sua vida operacional.

GBN seu canal de informações e notícias
com agências de notícias

0 comentários:

Postar um comentário