terça-feira, 28 de abril de 2015

Rússia quer cooperar com Brasil na base de Alcântara

O vice-premiê russo Dmítri Rogózin anunciou, na última sexta-feira (24), que o país está disposto a cooperar com o Brasil para o desenvolvimento da base de lançamentos de Alcântara, no Maranhão, após cancelamento de projeto espacial bilateral brasileiro-ucraniano.

O vice-premiê russo Dmítri Rogózin anunciou na última sexta-feira (24) que, com o cancelamento, no início do mês, do projeto para lançamento de foguetes ucranianos Cyclone em Alcântara, no Maranhão, a Rússia apresentou uma proposta de cooperação ao Brasil.
Além disso, o país estaria disposto a colaborar no desenvolvimento do cosmódromo brasileiro, segundo Rogózin.
"O Brasil está tentando desenvolver seu próprio cosmódromo. Agora, infelizmente, com a perda ucraniana dos projetos tecnológicos Brasil-Ucrânia para o uso do foguete Cyclone no cosmódromo litorâneo no Brasil, a base foi realmente suspensa, mas a Rússia propôs seu modelo de trabalho. E já colocamos no Brasil algumas de nossas estação Glonass, e temos ideia de como ajudar o país no âmbito do desenvolvimento do cosmódromo. Não excluímos uma cooperação com a temática do 'Sea Launch'", disse Rogózin aos jornalistas.

Fonte: Gazeta Russa

0 comentários:

Postar um comentário