sexta-feira, 24 de abril de 2015

Novas informações sobre o provável novo LHD Chinês

Um modelo em escala aparente de um navio de assalto anfíbio (LHD) pode oferecer uma indicação da configuração e recursos para a classe deste tipo que é esperado pela marinha chinesa (PLAN).

Uma imagem do modelo surgiu na web em 22 de abril.  Uma pesquisa online encontrou a mesma imagem no site de um fabricante com o tipo sob a designação 081.

Fabricantes de defesa chineses têm utilizado modelos para visualizar suas plataformas, embora a veracidade dos modelos é muitas vezes difícil de atestar por falta de informações. Além disso, as empresas chinesas que buscam muitas vezes colocar projetos especulativos no mercado e isto acab gerando algumas espectativas em relação aos modelos projetados e que estão em vias de produção para as forças chinesas.

No entanto, há quase uma década fontes chinesas informavam sob o plano de aquisição de um LHD, com até seis plataformas da classe. Estes complementariam os seis navios de desembarque doca (LPD) do Tipo 071, quatro dos quais já foram lançados.

O modelo na foto se encaixa na descrição de um futuro LHD dada pelo almirante Yin Zhou durante uma entrevista á televisão chinesa em novembro de 2012, na qual ele declarou que iria se aproximar de 40.000 toneladas de deslocamento.

O modelo é apresentado com 14 helicópteros embarcados, incluindo os helicópteros Z-18 e outros Kamov, Porém não é possivel precisar qual modelo da Kamov, relatórios de 2006 davam referência ao interesse da China em "várias dezenas" do Ka-29, uma versão assalto armado.

O LHD aparentemente emprega um elevador principal, semelhante ao utilizado pelos franceses nos LHD da classe Mistral, mas posicionado à estibordo para manter uma "pista" mais livre.

Abaixo do elevador há um deck para forças de assalto anfíbio. É provável que com esse tamanho o LHD seja capaz de levar um mix de veículos blindados, veículos de assalto anfíbio ou hovercraft para o transporte de veículos sobre rodas ou lagartas.

O LHD da China também pode empregar armamento de mísseis mais pesado do que o utilizado nos  LHDs ocidentais. Além de dois lançadores de mísseis HHJ-10 de defesa de ponto, o modelo mostra lançadores verticais em três pontos, uma configuração semelhante à utilizada pela Marinha francesa no "Charles de Gaulle" com seu sistema Aster 15.

Fonte: GBN com agências de notícias

0 comentários:

Postar um comentário