quinta-feira, 23 de abril de 2015

EUA dizem que Rússia está intensificando presença militar na Ucrânia

Os Estados Unidos acusaram a Rússia nesta quarta-feira de construir sistemas de defesa aérea no leste da Ucrânia e de participar de exercícios de treinamento de separatistas pró-russos na região em violação a um acordo de cessar-fogo mediado pela Europa.
"Esta é a maior quantidade de equipamentos de defesa aérea russos no leste da Ucrânia desde agosto", disse a porta-voz do Departamento de Estado norte-americano, Marie Harf, em comunicado.
Ela disse que a natureza cada vez mais complexa dos exercícios de treinamento "não deixa dúvidas de que a Rússia está envolvida".
"O treinamento também incorporou veículos aéreos não tripulados russos, um sinal inequívoco da presença russa", acrescentou Harf.
A Rússia também está aumentando a presença de suas forças ao longo da fronteira com a Ucrânia, disse ela. "Depois de manter uma presença relativamente estável ao longo da fronteira, a Rússia está enviando unidades adicionais para lá", afirmou Harf, acrescentando que o aumento dava à Rússia sua maior presença na fronteira desde outubro.
Mais de 6.000 pessoas foram mortas desde que o conflito no leste da Ucrânia explodiu há mais de um ano, quando os rebeldes que se opõem à destituição de um presidente apoiado por Moscou e a instalação de um governo pró-ocidental declararam independência no leste do país.

A Ucrânia e seus aliados ocidentais há muito tempo acusam Moscou de enviar tropas e armas para apoiar os rebeldes, o que a Rússia nega.

Fonte: Reuters

0 comentários:

Postar um comentário