terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Israel compra mais caças F-35 e Cingapura pode seguir mesmo caminho

Israel compra 14 caças F-35 a um custo de aproximadamente 110 milhões de dólares cada um,  anunciou o Ministério da Defesa no domingo.

"O Ministério da Defesa vai comprar mais 14 caças F-35 adicionais por cerca de 3 bilhões de dólares, cada avião custa uma média de 110 milhões", disse um comunicado do ministério.

O negócio que inclui outros elementos tecnológicos e formação de pilotos e técnicos, foi assinado no fim de semana depois de ser aprovada por um comitê ministerial em novembro.

O contrato inclui a compra de 14 caças F-35, bem como a opção de compra para outros 17 caças. É a continuação de um acordo assinado em 2010 para comprar 19 caças F-35.

O acordo vai injetar milhões na economia israelenses que irá integrar os sistemas da aeronave com os sistemas em operação em Israel, segundo o ministério. O primeiro lote de aeronaves devem chegar em Israel até o final de 2016.

Quando o acordo inicial foi anunciado em 2010, o Ministério da Defesa disse que uma parte fundamental do negócio foi um acordo para permitir que as indústrias israelenses participassem na montagem e na cadeia de peças de reposição.

Na esteira do anuncio feito por Israel, Cingapura está se aproximando de fechar um acordo para aquisição de aeronaves F-35, de acordo com informações.

Recentemente podemos observar um relativo aumento de potenciais operadores do F-35 através do FMS, incluindo recentemente o compromisso de Israel para compra de mais 14 aeronaves.

Cingapura tem demosntrado interesse no program, tendo formalizado pedidos de informações amplo sobre o programa F-35, o que pode indicar que Cingapura poderá vir a se tornar o próximo operador do F-35.

O governo de Cingapura não tinha indicado que estava interessado no F-35, mas pediu informações sobre todos as três variantes do caça.

Fonte: GBN GeoPolítica Brasil com agências de notícias

0 comentários:

Postar um comentário