quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Australianos próximos de atestar operacionalidade de KC-30A

O Airbus KC-30A MRTT esta á caminho de atingir a capacidade operacional  este ano com a Real Força Aérea Australiana, de acordo com informações divulgadas.

A RAAF tem cinco KC-30A, incluindo um atualmente operando no Oriente Médio em apoio à Operação Okra, sendo parte da contribuição da RAAF aos ataques aéreos da coalizão contra alvos do Estado Islâmico no Iraque.

Apesar dos atrasos no programa MRTT, o KC-30A já tem demonstrado suas capacidades em operações de reabastecimento aéreo no teatro de operações.

"O KC-30A é um passo em frente na capacidade de nossa Força Aérea", disse ele o porta voz da RAAF. "Mas devemos adiantar a transição e colocá-lo em operações um pouco mais cedo."

O programa KC-30A , apesar da sua maturidade demonstrada no Iraque. Ensaios de funcionamento e avaliação do sistema fly-by-wire e de reabastecimento da aeronave deverão ser realizados até o fim de 2015, atestando a capacidade operacional.

Os testes iniciais serão seguidos por avaliações de reabastecimento com outras aeronaves da RAAF, como o Boeing E-7A. As avaliações também serão realizadas com a Força Aérea de Cingapura no início de Março, com o objetivo de operar com o F-15 e F-16C de Cingapura.

Testes também serão realizadas com o F-35A na Base Aérea de Edwards, na Califórnia, em julho.

Em outros lugares, Christian Scherer, vice-presidente executivo de marketing e vendas, disse que uma decisão sobre o projeto do avião de reabastecimento sul-coreano era esperado em breve.

Os coreanos tem demonstrado interesse nas capacidades do KC-30A. Scherer disse que o MRTT baseado no A330 ganhou oito das 10 contratos que disputou nos últimos anos, perdendo apenas nos Estados Unidos para o Boeing KC-46A e no Brasil para o IAI 767-300.

Fonte: GBN com agências de notícias

0 comentários:

Postar um comentário