quinta-feira, 14 de julho de 2016

Rússia publica livro sobre o papel das armas de fabricação russa em conflito sírio

É a primeira avaliação abrangente e análise de possíveis alterações no mercado global de armas causado pelo desempenho de armamentos russos na Síria.
A Status publicou um livro intitulado "Armas russas no Conflito sírio". O editor do livro, Prof. Valery Polovinkin, disse que é a primeira análise do emprego de armas russas na Síria. O livro oferece informações sobre o mais recente e atualizado material de fabricação russa provado em combate no teatro sírio em operações desde 30 de setembro de 2015.

"O livro é a primeira avaliação global da eficácia das armas de fabricação russa em uma guerra real sob as duras condições climáticas e a primeira análise de possíveis alterações no mercado mundial de armas, causado pelo desempenho do armamento russo na Síria ", disse o cientista.

De acordo com ele, o mais recente material militar russo está em transição para estar apto a utilização em vários climas em todo o mundo.

"Percebemos muito bem que as armas comprovadas em combate desfrutam de uma maior demanda no mercado internacional de armas do que os que faltam um registro de combate real. Todo mundo quer um sistema confiável testado em batalha, porque eles costumam pagar muito dinheiro por isso", disse Valery Polovinkin.

"Anteriormente, as armas russas normalmente ficavam para trás dos homólogos norte-americanos a este respeito. Como é sabido, os Estados Unidos lutam em todos os continentes e suas armas são sempre testadas em combate real. Agora, a Rússia tem a mesma oportunidade devido às políticas favoráveis ​​da liderança da Síria", observou o cientista.
"Nós testamos todas as nossas armas avançadas e demonstramos as suas capacidades para todo mundo. Isto é especialmente importante porque muitos dos clientes atuais e potenciais para nossos equipamentos militares estão situados na mesma zona climática ou similares" enfatizou.

O livro compreende seis capítulos e fornece uma análise detalhada da operação na síria da Força Aeroespacial Russa, da Marinha e do Exército. De especial interesse é o capítulo que abrange a análise das armas russas segundo "especialistas militares ocidentais". A situação do mercado global de armas anterior a adesão da Rússia ao conflito sírio foi analisado e uma avaliação do mercado foi feita com base nos registros de combates com armas russas na Síria.

Todas as informações no livro são complementadas com tabelas, gráficos, diagramas e 200 fotografias coloridas como cortesia do Ministério da Defesa russo e da agência de notícias russa TASS.

Andrei Shansherov, diretor geral da STATUS disse que "Armas russas no Conflito sírio" foi publicado tanto em russo  em Inglês.

GBN seu canal de informação e notícias

0 comentários:

Postar um comentário