sábado, 12 de novembro de 2016

Ataques aéreos turcos matam 18 militantes do Estado Islâmico no norte da Síria

Forças turcas mataram 18 militantes do Estado Islâmico no norte da Síria ao longo das últimas 24 horas, disse o exército neste sábado, intensificando ataques contra o grupo.
Quatro prédios e um veículo usado por combatentes do Estado Islâmico foram destruídos nos ataques aéreos, de acordo com um comunicado do exército.
Separadamente, cinco rebeldes apoiados pela Turquia e cinco militantes do Estado Islâmico foram mortos em conflitos terrestres, disse o exército em seu comunicado. Além disso, as forças da coalizão realizaram seis ataques aéreos que mataram outros 10 militantes do Estado Islâmico.
A Turquia apoia um grupo de árabes sírios e turcomenos no norte da Síria em sua operação Escudo de Eufrates, que removeu o Estado Islâmico de sua fronteira sul.
O grupo de linha dura sunita assumiu a responsabilidade por um ataque de carro-bomba na cidade de Diyarbakir, no sudeste da Turquia, que matou 11 pessoas na semana passada.
No entanto, uma ramificação do grupo militante curdo PKK assumiu a autoria do mesmo ataque.

Tanto militantes curdos quanto membros do Estado Islâmico e grupos de extrema esquerda realizaram ataques contra civis na Turquia nos últimos anos. 

Fonte: Reuters

0 comentários:

Postar um comentário