quinta-feira, 14 de maio de 2015

Rússia negocia com Brasil venda de sistemas de defesa antiaérea

A empresa estatal de exportação de armas da Rússia, Rosoboronexport, está negociando o repasse de tecnologias de defesa antiaérea para o Brasil, informou nesta quinta-feira Sergei Ladygin, chefe da missão da Rosoboronexport que participa do Salão Internacional de Tecnologia para Defesa e Prevenção de Desastres Naturais SITDEF 2015.

Segundo a imprensa, em outubro de 2013 o ministério da Defesa do Brasil assinou com a Rosoboronexport um memorando de entendimento que poderá servir de base para a assinatura  de um contrato para o fornecimento de sistemas de mísseis terra-ar Pantsir-S1 e sistema de defesa antiaérea portátil Igla-S.

"Temos um memorando de parceria técnica com o consórcio Odebrecht Defesa e Tecnologia (ODT), que inclui a empresa Mectron. Atualmente, estamos negociando diversos projetos que prevêem o repasse de tecnologias, inclusive na área de defesa antiaérea" – disse Ladygin.

Ele destacou ainda que a Rosoboronexport também está interagindo com outras empresas brasileiras no setor de helicópteros.

"Quanto à Embraer, estamos abertos à cooperação com essa empresa caso um interesse mútuo seja demonstrado" – disse Ladygin.

A exposição SITDEF abre suas portas de 14 a 17 de maio, no Quartel General do Exército peruano, com mais de 400 representantes de diferentes forças armadas e delegações oficiais de 26 países.


Fonte: Sputnik News

0 comentários:

Postar um comentário