sexta-feira, 19 de maio de 2017

Brasil - O que pensar de um país moralmente abalado ?

Nesta sexta (19) eu venho a vocês amigos leitores do GBN News com este artigo no qual eu questiono: O que pensar de um país moralmente abalado? 

Sinceramente, não sei mais o que pensar, ou muito menos o que esperar de uma nação onde nossos "políticos" praticam tudo, menos a política, deveres aos quais foram eleitos para cumprir em benefício de toda uma nação. Podem me taxar de uma série de adjetivos, porém, aqui deixo claro que sou apenas mais um brasileiro que possui anseios comuns á grande maioria de meus compatriotas, ver um país mais justo, onde haja acesso real e qualitativo á saúde, educação e segurança, basicamente, onde esperamos um mercado de trabalho amplo com oportunidades e chances para todos não apenas conseguir o básico, mas ter a capacidade de planejar seu futuro e de seus filhos, algo que parece tão simples, mas que nos é roubado a cada dia diante de um lamaçal de corrupção e esquemas sórdidos que buscam enriquecer e beneficiar um pequeno grupo dentro de uma zona de interesse restrita, ao alto preço de lançar todo um povo na desilusão e falta de qualquer real apoio de nosso governo, o qual pagamos um altíssimo preço para sustentar, ainda arrastando nossa economia para o abismo, gerando ainda mais desemprego e a alta no custo de vida, nos deixando á míngua, sem qualquer serviço realmente efetivo de saúde,educação ou ao menos segurança.

O mais doloroso é ver que ainda há leigos apoiando legendas políticas, pessoas que no mínimo deveriam finalmente tirar os antolhos "ideológicos" e enxergar que não há ideologia política no Brasil, não existe esquerda ou direita, infelizmente são todos da mesma laia! Não há essa de coitadinho, são todos membros de uma grande quadrilha de usurpadores do bem público, verdadeiros criminosos travestidos de políticos, se escondendo atrás de legendas que de ideologia nada tem, só o mesmo interesse, chegar ao poder e se beneficiar dos bilhões de nossas riquezas, enquanto a grande maioria de nossos "irmãos" enfrenta uma vida dura de trabalho para receber um mísero salário mínimo, o qual é incapaz de atender as necessidades básicas de uma família, enquanto "nossos representantes" desfrutam de milhares de reais e regalias absurdas a custas de nossos impostos e muito trabalho suado. 

É preciso que se abram os olhos de nosso povo, a política no Brasil e o trafico de drogas tem pouco de diferente, ambos tem centenas de criminosos disputando o poder por trás de "facções" criminosas que só trazem dano á sociedade, ambos nos levam bilhões por ano, porém, um usa armas e estão entrincheirados em favelas, enquanto os outros usam a caneta e manipulam as leis ao seu bel prazer e vivem em palácios e mansões, e nós? Nós vivemos a incerteza do dia a dia, tendo apenas deveres e contas a pagar, sem direitos, sem qualquer benefício real em nosso favor.

Eu como jornalista e editor, estou sentindo uma revolta terrível, mas não com a nossa classe política, pois esses eu já sabia que não prestavam e de nada espero, mas me revolta ver a falta de atitude do povo brasileiro, a falta de reação, vemos apenas murmúrios, apenas a velha conversa, não vejo ninguém erguer a cabeça e se colocar de pé e se prontificar a cobrar justiça, a cobrar nossos direitos. Acordem!!! O Brasil somos nós, eu sou o Brasil, você é o Brasil, cada um de nós somos um pedacinho deste país imenso, esta na hora de pararmos de ficar no comodismo das poltronas e mesas de bar e nos organizar, não ínsito um levante violento, mas uma manifestação realmente séria, onde o real foco seja o interesse do brasileiro e não de partidos pífios e de moral escusa. Precisamos de líderes realmente do povo, que lutem para e pelo povo, nada de socialismo, comunismo, ou qualquer ideologia barata e retrógrada, precisamos de simplesmente buscar estadistas, simplesmente administradores e pessoas altruístas que queiram realmente escrever a história deste país. Chega de eleger bandidos, oportunistas, artistas e participantes de realities, chega de sermos financiadores do circo e donos do picadeiro, é hora de ser cidadão, é hora de ser brasileiros de verdade, como diz nosso hino, "Mas, se ergues da justiça a clava forte, Verás que um filho teu não foge à luta,Nem teme, quem te adora, a própria morte"

Onde estão nossos heróis? Os meus não morreram de overdose... Onde estão nossos guerreiros? 

Não queria ter que admitir, mas no Brasil faz falta a disciplina e comprometimento da caserna, esta faltando seriedade e patriotismo, mas como obter isso em uma sociedade que foi por longo tempo doutrinada para repudiar qualquer forma de disciplina e patriotismo?

Então pergunto a você leitor brasileiro: O que pensar de um país moralmente abalado?

por: Angelo Nicolaci - Jornalista e editor do GBN News, graduando em Relações Internacionais pela UCAM, especialista em geopolítica da América Latina, Oriente Médio e Leste Europeu.

1 comentários:

se o sr percebeu isto hoje, com todo o seu estudo e graduação, lhe recomendo voltar ao colégio, pois moralmente falando o pais nunca existiu, desde O FICO só ficaram roubando a pátria, nunca tivemos políticos minimamente honestos ou comprometidos com o pais
ou o povo, obviamente a imprensa nunca informou tanto, mas ao mesmo tempo são informações cirurgicamente selecionadas ai sim como sempre,mas apesar do meu pouco estudo sinto muito lhe informar que tudo o que o sr houve é só a ponta do iceberg, mas sejamos sinceros o sr sabe disso,isto apesar do seu suposto susto.Mas não se preocupe já estão PREPARANDO a estrada pro PRÓXIMO CAÇADOR de MARAJÁS,com a benção de, GLOBO, VEJA, ÉPOCA, FOLHA, ISTO É. aiiii vemmmm o SUPER DORIA.

Postar um comentário