sábado, 4 de março de 2017

Rússia começará a modernizar o porta-aviões Almirante Kuznetsov antes de julho

Os reparos planejados e a modernização do único porta-aviões russo, o "Admiral Kuznetsov", começarão durante o primeiro semestre de 2017 no estaleiro Zvezdochka em Severodvinsk e levará dois anos e meio, disse uma fonte relatou na última sexta-feira (3).

"A decisão é iniciar a modernização do "Admiral Kuznetsov" em Zvezdochka no primeiro semestre de 2017. O projeto, especificando os custos e os serviços a ser realizados, será concluído dentro de alguns meses", disse a fonte. Ele acrescentou que "todas os serviços a bordo do navio devem ser concluídos até 2020."

A fonte observou que o contrato ainda não foi assinado. Enquanto isso, estimativas aproximadas mostram que o negócio pode custar mais de 20 bilhões de rublos.

O porta-aviões, recentemente retornou do serviço no Mediterrâneo, sofrerá reparos em quatro de suas oito caldeiras e as quatro restantes serão substituídas.

"O navio estará equipado com sistemas modernos de guerra eletrônica, comunicação, inteligência, navegação e controle de combate. Além disso, serão instalados novos sistemas de controle para o pouso seguro de aeronaves baseadas no porta-aviões. Acrescentou a fonte.

O Centro de Reparação de Navios Zvezdochka disse que o estaleiro estava preparado para docar o navio, mas recusou-se a comentar o prazo, os custos e os serviços que serão realizados, dado que o contrato ainda não foi assinado.

De acordo com uma declaração anterior do chefe da United Shipbuilding Corporation, Alexey Rakhmanov, a atualização incluirá uma mudança estrutural no "Admiral Kuznetsov".

GBN seu canal de informação e notícias
com agências

0 comentários:

Postar um comentário