sexta-feira, 10 de julho de 2015

Rússia e França preparam novo acordo sobre navios Mistral

Moscou e Paris estão prontos para um acordo sobre a rescisão do anterior contrato de entrega de navios Mistral, informou uma fonte militar

Moscou e Paris prepararam um acordo sobre a  rescisão do anterior contrato de entrega dos porta-helicópteros de classe Mistral, mas o negócio deve ser assinado pelos governos dos dois países, disse uma fonte de cooperação técnico-militar à RIA Novosti nesta sexta-feira. 

"Os governos de ambos os países precisam de assinar o documento que as delegações de peritos da Rússia e da França elaboraram, ele está pronto para ser assinado", disse a fonte.

Rússia e França assinaram um contrato no valor de US $1,3 bilhão para a entrega de dois navios de assalto anfíbios da classe Mistral. A entrega das embarcações foi adiada até o fim de 2014 depois que Paria acusou a Rússia de interferir na crise e na guerra civil ucraniana — alegações que Moscou nega seguidamente.

O acordo foi suspenso em maio e agora a França tem de devolver o dinheiro. Vender os navios a terceiros países é uma tarefa complicada, uma vez que a França precisa de uma permissão de Moscou para fazer isso. A Rússia tem afirmado repetidamente que não iria permitir tal solução, porque os Mistrais foram personalizados especificamente para a Marinha russa, tornando esta uma questão de segurança nacional. 

Fonte: Sputnik News 

0 comentários:

Postar um comentário