terça-feira, 28 de julho de 2015

Exército suíço 'rouba' água da França para matar sede de vacas

Um furto de água está no centro de uma pequena crise diplomática entre Suíça e França.
Na semana passada, helicópteros das forças armadas suíças cruzaram a fronteira para retirar água de um lago para matar a sede de vacas.
A operação, no entanto, não havia sido autorizada pelo governo francês, que criticou fortemente a iniciativa do país vizinho.
O incidente aconteceu no Lago Rousses, na Cordilheira Jura.
A imprensa suíça afirmou que o Exército do país pediu permissão das Forças Aéreas francesas ─ mas não de autoridades locais.
A água era necessária para salvar vacas de desidratação provocada por uma onda de calor que vem atingindo a Suíça.
Christophe Mathez, vice-prefeito da comuna francesa de Les Rousses, afirmou que as autoridades locais não "tinham ideia que essa operação ocorreria", informou a agência de notícias AP.
Já o militar suíço Denis Froidevaux afirmou ao jornal local Le Matin: "Assim que eles nos contataram, percebemos se tratar de um problema de comunicação e imediatamente interrompemos (a operação)".
A operação das Forças Aéreas suíças também assustou moradores locais e turistas que nadavam no local, segundo testemunhas.

Fonte: BBC Brasil

0 comentários:

Postar um comentário