quarta-feira, 15 de julho de 2015

Lavrov pede que EUA desistam de escudo antimísseis após acordo com Irã

A Rússia espera que os EUA abandonem a ideia do escudo antimísseis na Europa, assim como prometeram em 2009, após uma solução para o tema nuclear com o Irã, afirmou o ministro de Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov.



"Em um discurso em Praga, em abril de 2009, o Presidente Barack Obama disse que se conseguisse encontrar uma solução para o programa nuclear iraniano, o objetivo de criar um escudo antimísseis deixaria de existir", lembrou Lavrov ao término da reunião entre o Irã e as seis potências mundiais em Viena.

O chefe da diplomacia russa afirmou recentemente que a única ameaça para seu país é o escudo antimísseis global que os Estados Unidos tentam posicionar nas fronteiras europeias com a Rússia. 

A questão tem sido um dos maiores obstáculos nas relações entre Moscou e Washington nos últimos anos.

A Rússia considera que esses planos significam um risco para a segurança nacional e exige dos Estados Unidos garantias políticas de que o escudo antimísseis não levará riscos ao território russo.

Em 2014, os Estados Unidos e, em seguida, a OTAN suspenderam o diálogo sobre o escudo antimísseis com Moscou baseados na crise ucraniana.

Fonte: Sputnik News 

0 comentários:

Postar um comentário