terça-feira, 22 de maio de 2018

F-35I recebe batismo de fogo em Israel

Israel se tornou o primeiro operador do F-35 a efetivamente empregar a aeronave em situação real, tendo realizado vários ataques aéreos contra alvos na Síria com o moderno e polêmico caça de quinta geração desenvolvido nos EUA.
Segundo disse o  Comandante da Força Aérea de Israel, Major-General Amikam Norkin, nesta terça-feira (22), o F-35I "Adir" é parte da moderna capacidade operacional da IDF, onde estão sendo empregados em ataques contra alvos no Oriente Médio.

O comandante israelense ainda afirmou que são os primeiros a atacar usando o F-35 no Oriente Médio e que já os empregaram com sucesso duas vezes em diferentes frentes. Porém, não foram confirmados quais alvos foram realmente atacados pelos F-35I.

O F-35 tem sido ao longo do seu desenvolvimento alvo de muitas críticas por conta dos atrasos e aumentos sucessivos dos seus custos, além das inúmeras falhas e problemas com seu desenvolvimento, muitas vezes levantando dúvidas sobre as capacidades da aeronave de cumprir com o objetivo para o qual foi proposta.

Mas o F-35 esta longe de ter sanado todos seus bugs e problemas técnicos, apresentando ainda muitas falhas, incluindo mau funcionamento do sistema de fornecimento de oxigênio. O caça segundo um relatório emitido pelo Pentágono em 2017, revelou que o F-35 tinha mais de 270 deficiências, variando de problemas de software a problemas estruturais, mas a variante "I", nomeados "Adir" pela IDF, recentemente incorporada por Israel tem mostrado nas recentes surtidas suas capacidades operacionais.

GBN News - A informação começa aqui
com agências
Share this article :

0 comentários:

Postar um comentário

 

GBN News - GeoPolítica Brasil Copyright © 2012 Template Designed by BTDesigner · Powered by Blogger