terça-feira, 9 de abril de 2019

F-35A é perdido durante exercícios no Japão

Uma aeronave F-35A pertencente ao Japão desapareceu no Oceano Pacífico durante uma missão de treinamento. Esta é a segunda aeronave do tipo perdida em acidente na história do JSF, sendo o primeiro perdido fora dos EUA.
O F-35A realiza um voo de treinamento, quando desapareceu dos radares aproximadamente às 19h30 (horário local) nesta terça-feira (9). Todas comunicações com a aeronave foram perdidas, o que sugere que a aeronave caiu no Pacífico.
A aeronave perdida participava de um grande exercício envolvendo várias aeronaves da Base Aérea de Misawa, á cerca de 135 quilômetros a nordeste da cidade de Misawa, sendo parte de um treinamento noturno de rotina, a aeronave realizava um voo de cerca de meia hora antes de desaparecer.
Uma operação de busca e resgate está em andamento, contando com a Guarda Costeira japonesa, que enviou dois navios-patrulha para integrar as equipes de buscas a aeronave e seu piloto.
O F-35A foi implantado em Misawa em janeiro de 2018. O Ministério da Defesa do Japão assinou originalmente um acordo para aquisição de 42 aeronaves do tipo, porém, em novembro do último ano manifestou interesse em ampliar esse número para mais 100 aeronaves.
O F-35A é a variante de pouso e decolagem convencional, sendo a mais simples das três variantes desenvolvidas do moderno caça construído pela Lockheed Martin, a qual conta com uma variante de decolagem vertical F-35B e o F-35C destinada às operações embarcadas.
O Japão é um dos maiores operadores deste caça no mundo, sendo um importante parceiro do programa que visa ser a mais importante aeronave da primeira metade do século XXI, sendo um programa controverso que tem enfrentado inúmeros problemas e atrasos ao longo de sua existência, superando o orçamento inicial e chegando a ter seu cancelamento avaliado pelos EUA há alguns anos. Embora o F-35 tenha sido atormentado por uma série de problemas de hardware e software, o incidente desta terça-feira (9) seria apenas o segundo acidente com a aeronave registrado até agora.
Em setembro do ano passado, metade de sua frota de F-35 teve que sofrer um recall após um acidente na Carolina do Sul. Em 2017, um F-35 dos EUA operando no Japão perdeu parte de sua fuselagem durante o voo, durante uma missão de treinamento de rotina.
Em fevereiro, um caça F-2 da Força Aérea Japonesa caiu no Mar do Japão, a cerca de 130 km de sua base aérea em Fukuoka. Os dois tripulantes ejetaram com sucesso e foram resgatados pelas equipes de busca e salvamento.
Ainda não há qualquer indicação do que poderia ter causado a perda da aeronave, mas um investigação criteriosa será realizada tão logo se recupere os destroços da aeronave.

GBN News - A informação começa aqui
com agências
Share this article :

0 comentários:

Postar um comentário

 

GBN News - GeoPolítica Brasil Copyright © 2012 Template Designed by BTDesigner · Powered by Blogger