terça-feira, 3 de março de 2015

Rússia e Egito firmam protocolo de cooperação militar

A Rússia e o Egito planejam assinar um protocolo que irá definir as diretrizes para uma de cooperação militar de longo prazo, segundo disse o ministro da Defesa russo Sergey Shoigu, nesta terça-feira (3).

Abrindo conversações com o seu homólogo egípcio, Shoigu disse que as negociações de hoje iriam incidir sobre "o que foi feito ao longo do ano passado em termos de expandir os laços bilaterais na esfera militar."

"Um grande resultado do trabalho conjunto será a assinatura de um protocolo entre o governo russo e o governo do Egito sobre a cooperação militar. Este documento irá definir as diretrizes para as nossas relações neste domínio há anos", disse o ministro russo.

Shoigu disse que era hora de começar a preencher o acordo com "conteúdo concreto", com foco especial sobre os esforços conjuntos de combate ao terrorismo. "Naturalmente, o foco serão as questões de treinamento de homens egípcio em estabelecimentos de ensino superior russos do Ministério da Defesa Russo e uma série de outras questões de interesse mútuo", disse ele.

O ministro russo sublinhou que o Egito era líder no Oriente Médio em relação a parcerias com a Rússia. Moscou "está determinada a continuar uma cooperação eficiente" com Cairo em várias esferas, disse ele. "Contamos com princípios que têm sido tradicionalmente colocados na base das relações entre os povos dos nossos países, respeito mútuo e não-interferência em assuntos internos, soberania observando os interesses de cada um," Shoigu disse, acrescentando que este curso tinha sido confirmado nas conversações entre os líderes dos dois países no Cairo, em fevereiro.

Rússia e Egito um novo impulso na cooperação militar 

A cooperação militar entre Rússia e Egito irá receber um novo impulso com base na rica história conjunta dos dois países, disse o ministro da Defesa egípcio, Sidgy Sobhy, em uma reunião com o seu homólogo russo Sergei Shoigu.

"Temos de reunir esforços para repelir ameaças regionais e internacionais, em primeiro lugar, o terrorismo", disse ele.

O ministro da Defesa egípcio pediu ao seu homólogo russo o convite para visitar a Rússia e para a "possibilidade de discutir questões de reforço em nossa cooperação militar."

"É importante, tendo em conta a história das relações entre os nossos países e da recente reunião entre os nossos líderes", disse Sobhy, "É necessário desenvolver tudo o que temos feito juntos. É importante para os nossos países."

O ministro da Defesa egípcio agradeceu a Rússia por seu apoio ao Egito em seus esforços anti-terrorismo.

Fonte: GBN com agências de notícias

0 comentários:

Postar um comentário